Categorias
Leitura

Você não sabe ler!

Há vários níveis de leitura que vão muito além de saber juntar letras e formar palavras. Você provavelmente foi mal treinado, como a maioria de nós.

Você não sabe ler! Simples assim.

“Se eu não sei ler, então como eu cheguei até esse post? ”

Bom, tudo bem, você pode não ser analfabeto, mas daí a saber realmente ler é outra história.

Há vários níveis de leitura que vão muito além de saber juntar as letrinhas e formar palavrinhas. Calma, isso não significa que você seja burro, nem que não seja, provavelmente apenas mal treinado, como a maioria de nós foi. Eu também sofri, e sofro até hoje, para ter uma boa leitura e um entendimento pelo menos aceitável do que estou lendo. Nem sempre é fácil.

Alguns dos primeiros sintomas de que você não sabe ler são:

Achar um texto muito difícil. O mais óbvio: você começa a ler um parágrafo e percebe que não faz ideia do que se trata;

Achar que um texto é muito chato. Alguns são mesmo, mas pense por que você o achou chato? Seria por um tema porcamente abordado? Ou porque usa palavras complexas e um vocabulário maçante? Se for a segunda opção, amigo, sinto muito, mas o problema não é o texto;

Alguém te explicar o que você já leu. Esse é ótimo: você acabou de ler um texto, tem certeza de que entendeu tudo, aí alguém comenta ou explica o mesmo texto de uma maneira que faz muito mais sentido.

“Mas meu querido, eu sou formado! ”

Então há grandes chances de você não saber escrever também. Eu gostaria mesmo de poder dizer que pessoas com um diploma universitário tem alguma vantagem em leitura, mas não é isso que acontece. Muitas vezes piora. Sim, PIORA.

Thanos Impossible GIF from Thanos GIFs

É claro que você, seja na escola ou na faculdade, leu vários livros e respondeu as questões da prova razoavelmente bem, isso já é um começo, pois tudo se trata de prática. Mas está longe de ser o ideal. Tenho certeza de que você:

  • Não se lembra da maioria dos livros que leu enquanto estudava;
  • Não consegue fazer comentários ou questões aprofundadas sobre grande parte dos temas lidos;

Eu sei muito bem jogar esse jogo: você pega comentários de outros autores, textos de apoio, coisas mastigadas que já foram escritas, decora uma parte delas, enrola nas outras e joga tudo nas respostas da prova. Se forem alternativas, você sabe a ideia geral para largar o X na resposta mais provável. Se forem discursivas, usa algumas palavras difíceis para fazer parecer que é uma resposta inteligente.

E com todo esse suporte de autores que já estudaram o tema pra você, com auxílio de professores que também não sabem ler (vamos falar sobre vocês já, já, profes) o sistema é dominado e seu maior objetivo de vida é finalmente alcançado: PASSAR.

Aí está a parte mais triste de tudo, o objetivo. Passar na prova ou passar de ano. O objetivo nunca é aprender. E costuma ser assim tanto para o aluno quanto para o professor que, muitas vezes, só querem que o dia acabe para voltar pra casa com aquela sensação de que cumpriu sua obrigação, já que o aluno conseguiu passar na prova ou até mesmo no vestibular.

Muitos dos professores são simples alunos com mais experiência nas mesmas técnicas de enrolação do sistema de ensino. Enganam ao aluno e acabam, com o tempo, enganando a si mesmos com a ideia de que são especialistas em determinado assunto.

Continuam fazendo as perguntas que qualquer um poderia fazer sem ter nem ao menos lido o livro, sem se aprofundar.

Vários profissionais conseguem fazer uma leitura analítica de assuntos relacionados à sua profissão. Com a prática, batem o olho em uma planilha, relatório, prontuário e suas mentes vai além, sabem já de onde veio e para onde os irá levar, conseguem discutir tudo em seus pormenores, mas não passa daí. Em outras áreas sua leitura volta ao básico de juntar letrinhas.

Quer fazer um teste?

Leia um livro pela segunda vez, algum que goste ou considere ter entendido. Vai ver que, provavelmente, parecerá uma leitura totalmente nova. Vai perceber que deixou pontos importantes passarem em branco e que seu entendimento estava errado sobre muitos outros.

Isso acontece até com os mais experientes, afinal, leitura não é uma ciência exata, é uma arte. Pode até considera-la um esporte se quiser, pois, a prática é que traz a perfeição. Precisa treinar bastante, mas não adianta só sair pulando de um livro para outro, é necessário aprender algumas técnicas também.

Imagine se você conseguisse extrair mais de uma leitura? Como isso ajudaria nos seus estudos, na sua profissão e em toda a sua vida!

Então, como faz?

Para começar, o tempero de tudo é o sazon amor. Vou dar um exemplo de uma situação em que você lê perfeitamente:

A cremosa (ou o boy) te manda uma mensagem com uma declaração apaixonada. Você, que já parou tudo que estava fazendo pra agarrar o celular quando viu que a mensagem era dela, vai ler e reler com calma, degustando cada palavra que ela digitou. Vai medir e pesar cada frase, já montando teorias e cenários novos na sua mente.

É aí que queremos chegar, quando sua mente vai além do texto, levando-o para novos rumos e aplicações. Não simplesmente passando pelas palavras e indo embora, mas as levando consigo.

Você seria capaz de ler um livro com o mesmo entusiasmo que lê as mensagens da @ ?

Com uma breve e vergonhosa pesquisa nos fóruns dos fãs de Harry Potter, vendo suas teorias conspirativas e amorosas sobre os livros da saga, concluímos que é possível sim.

Esse assunto está longe de acabar, fique ligado por aqui que trarei técnicas para enriquecer seu modo de ler nos próximos dias.

1.660 respostas em “Você não sabe ler!”